Etiquetas

IV

Desde cedo
desde muito verde
que a bandeiras despregadas choro
rindo baba e ranho
que rio e choro em simultâneo
unissonamente
gargalhando enquanto despeço
como se centelhas tépidas
lágrimas como faíscas
talvez um dia
aprenda a ter maneiras
e passe a fazer uma coisa de cada vez
talvez um dia
mais tarde

 

Quando se vir com a água o fogo arder *

 

* verso de Luís Vaz

No Cumprimento do Devir, ed. autor, 2013

Anúncios